Frutos do Espírito: Mansidão

terça, 15 de março de 2016 às 09:51

Esse fruto está cada vez mais escasso em nosso dia-a-dia.

Numa sociedade onde as pessoas são ávidas por tirarem algum benefício do outro, onde somos constantemente testados em nossa paciência e, junte isso tudo ao estresse de uma vida corrida! É bem difícil manter-se leve, pacífico e sereno... Mas não será, se buscarmos isso no Senhor, de todo coração e com todo fervor!

A brandura é necessária para lidar de maneira sábia com as situações mais irritantes, perturbadoras e desagradáveis. E essa condição somente é conquistada tendo em vista a busca ao Espírito Santo.

Nosso Mestre Jesus é manso e humilde de coração. E indicou que devemos aprender com Ele, para ter descanso às nossas almas.

 

Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas.
Mateus 11:29

 

Ou seja: Para que sua alma conquiste paz, leveza e serenidade é preciso aprender com Jesus a ter mansidão. Ele se manteve manso às afrontas dos religiosos, à traição de Judas, e a tantas situações adversas. Mesmo sendo o Todo-Poderoso na terra, escolheu ter o caráter da ‘ovelha muda’.

 

Ele foi oprimido e afligido, mas não abriu a sua boca; como um cordeiro foi levado ao matadouro, e como a ovelha muda perante os seus tosquiadores, assim ele não abriu a sua boca.
Isaías 53:7

 

Para tomar como exemplo de mansidão na Palavra, nós devemos demonstrar quem ou o que somos e sabemos com mansidão (Tiago 3:13), agindo assim também com os que erram, sem contendas ou exageros (Gálatas 6:1, 2 Timóteo 2:25).

Não deixe de buscar a mansidão, a palavra branda no momento certo, a atitude pacífica que beneficia a todos!

 

Camila Bianchi

Por: Admin