O Dinheiro

sexta, 20 de junho de 2014 às 14:13

Avivar = Tornar mais vivo: Reanimar-se

Para tornar mais viva a vida profissional é necessário conhecer os ministérios do mundo espiritual, pois vivemos no mundo físico e convivemos com o mundo espiritual, estando assim o sucesso (AVIVAMENTO) profissional condicionado ao conhecimento espiritual.

Texto base: Jó 8:7

Deus quer que todos prosperem em abundância mesmo que no início da vida a pessoa tenha sido pequena, financeiramente falando. Para Deus não é como se começa e sim como se termina. E você vai terminar grande, diante dos homens e diante do Senhor. Mas poucas são as pessoas que sabem disto. Por isso, começaram pequenas e estão pequenas, e provavelmente terminarão pequenas. Por quê? Por falta de conhecimento da Palavra de Deus. (Oséias 4:6)

A falta de conhecimento traz pobreza, miséria e destruição e não somente no mundo secular, bem como também no mundo espiritual.

Vamos aprender como ter o avivamento profissional com o conhecimento, ou seja, a ajuda espiritual:

Uma pessoa só vai ter um avivamento, isto é, tornar-se mais viva, uma profissional, se ela tiver dinheiro. Quem quer ter muito dinheiro?

Dinheiro é um assunto polêmico entre os cristãos e não cristãos. Muitos acham que este assunto (dinheiro) não deve ser tratado nas igrejas por pensarem que não é um assunto da esfera espiritual.

Informação: Jesus contou 38 parábolas, sendo que 16 delas, quase a metade, Ele dedicou para falar de dinheiro, posse e prosperidade.

Existem na Bíblia 500 versículos que falam sobre oração, 500 versículos que falam sobre fé e mais de2.300 que falam sobre o dinheiro, posses e prosperidade.

Se Jesus dedicou tanto tempo para falar sobre este assunto é porque este é um assunto de suma importância para o sucesso profissional do povo de Deus.


Onde está o perigo do dinheiro? (I Tm 6:10)

As posses competem com o Senhor pelo domínio da vida do homem. (Mt 6:24)

Você tem que possuir, dominar as posses, o dinheiro. Não pode ser possuído, dominado por eles. (Mt 6:21)

No século XII houve uma guerra conhecida como Guerra Santa (Cruzadas). O Papa Urbano II contratou mercenários para combater em favor da Igreja Católica durante esse período.

Como os mercenários que não são convertidos (santos) iriam guerrear uma guerra santa? Bem, o Papa Urbano convenceu os mercenários a serem batizados, deixando de fora do batismo o escudo e a espada. Sendo assim, os mercenários seriam convertidos e santos, mas a espada não, podendo matar o inimigo sem remorso algum. Muitos hoje aqui já se entregaram a Jesus e até foram batizados, mas alguns deixaram de fora a carteira, a bolsa, a vida financeira, pois não são dizimistas, ofertantes. Lembre-se: para você ter o avivamento profissional é necessário converter tudo em sua vida ao Senhor Jesus, inclusive a vida profissional.

Lembre-se, a prosperidade é um dom de Deus e ele deseja isso para o seu povo (Sl 35.27 e Ec 5.19)

Exemplo do amor de Deus pela prosperidade do seu povo:
Abraão: Gn 13.2
Isaque: Gn 25.11
Jacó: Gn 30.42

Deus é dono absoluto de tudo:
I Cr 29.10-12
Sl 24.1
Ag 2.8

E aquele que buscar ao Senhor de todo o seu coração terá direito a tudo quanto ele tem:
Mt 6.33 
Jo 12.26

LEMBRE-SE: do Senhor são todas as coisas. E Ele quer dar tudo ao seus filhos, que são herdeiros e co-herdeiros. E agora que você conhece as promessas e a Palavra do Senhor, é só tomar posse e viver a prosperidade do Senhor.

Um forte abraço e um beijo da minha alma,

Pr. Neilton Rocha

Por: Pregadores do Telhado