Por que só no Natal?

sexta, 20 de junho de 2014 às 14:22

Sempre que nos aproximamos do fim do ano, as pessoas ficam mais sensíveis, mais sentimentais - até porque se fala muito do nascimento do Senhor Jesus. Fala-se muito de espírito natalino, onde se trabalha muito a idéia da fraternidade, do perdão, da voluntariedade, etc. 

Mas, em meio a isso tudo, acaba entrando um pouco de hipocrisia. Pessoas que ficam o ano inteiro brigando, se agredindo, se traindo, no final do ano, se reúnem para almoçar, jantar, ou mesmo para uma reunião de família.

Meu amado irmão, minha amada irmã, veja o que diz a Palavra de DEUS em Efésios 04:24-27: “E vos revistais do novo homem, que, segundo DEUS, é criado em verdadeira justiça e santidade. Pelo que deixai a mentira e falai a verdade cada um com seu próximo; porque somos membros uns dos outros. Irai-vos e não pequeis; não se ponha o sol sobre a vossa ira. Não deis lugar ao diabo”.

Você pode ver nesse texto que a Palavra de Deus quer que você se comporte como nova criatura. Não podemos mais agir como se estivéssemos no mundo. Às vezes acontecem coisas que nos tiram do sério, nos deixam tristes, mas temos que superá-las no amor de Cristo.

Veja que a palavra diz “não se ponha o sol sobre a vossa ira”. O que quer dizer isso?

Por sermos falhos, podemos até ficar irados contra uma determinada situação ou pessoa, mas temos que permitir que o Espírito Santo trabalhe em nosso coração, e, no mesmo dia, devemos perdoar e até mesmo apagar a mágoa do nosso coração para que o sol não se ponha sobre a nossa ira. Pois está escrito: “o dia de amanhã não vos pertence”.

Por isso, não podemos esperar o ano inteiro para poder perdoar e amar o nosso próximo. Talvez você me diga: “Mas, pastor, eu já fiz de tudo para fazer as pazes com minha irmã, meu irmão, minha sogra, minha mãe, meu filho, etc, mas a pessoa não quer. Aí, no final do ano, ela me convida para almoçar com ela. O senhor acha que eu devo perder a única oportunidade que estou tendo de conversar com a pessoa e até evangelizá-la?”.

Não, eu até acho que você deve ir almoçar, jantar, participar da ceia com ela no Natal ou passagem do ano. Mas você diz para ela: “Eu vou aceitar seu convite, mas eu já vou te fazer um convite também: você vai almoçar comigo dia 17 de janeiro”.

A pessoa vai te perguntar: “por que no dia 17 de janeiro?”; e aí você responde para ela por que é dia 17 de janeiro. Ou seja, você vai explicar para a pessoa que não há diferença entre os dias e que você quer a amizade dela todos os dias do ano e não só no Natal. 

Vamos praticar a Palavra de Deus, dar um bom testemunho de cristão, envergonhar o diabo, e exaltar o nome do nosso Senhor Jesus neste final de ano e sempre.

A todos um fim de ano de muitas bênçãos, e um Feliz Ano Novo na Graça e Unção do nosso Único, Suficiente, Exclusivo e Eterno Salvador JESUS CRISTO.

 

Pr. Joaquim Neto

Por: Pregadores do Telhado